- Biblioteca Virtual de Enfermagem – Cofen - http://biblioteca.cofen.gov.br -

Trombose Por Uso de Anticoncepcionais

A relação entre trombose e pílula anticoncepcional é cada vez mais conhecida entre as mulheres. Infelizmente, esse assunto ganhou repercussão diante de diversos casos de mulheres que foram internadas ou chegaram a perder a vida pelo uso contínuo dos anticoncepcionais.

Os efeitos do anticoncepcional na circulação

A pílula anticoncepcional leva para dentro do organismo da mulher hormônios sintéticos que simulam progesterona e estrogênio. Para que o óvulo não seja liberado para fecundação, esses hormônios “enganam” o cérebro e, assim, o ovário fica inativo.

São exatamente esses hormônios que estimulam a formação de coágulos. Quanto mais o sangue coagula, maior o risco de uma veia ser obstruída. É aí que ocorre a trombose venosa profunda.

Esse problema costuma aparecer principalmente nas pernas. Quando o coágulo formado solta-se, pode chegar aos pulmões e causar uma embolia pulmonar. Em casos mais graves, os coágulos atingem artérias, o que pode ocasionar em AVC ou infarto do miocárdio.

Isso significa que, ao usar o anticoncepcional, todas as mulheres passam a correr esse risco? Nem sempre, mas é preciso uma avaliação individual para definir se sim ou não.

Trombose

O risco de trombose [1] associada ao uso de pílulas anticoncepcionais é baixíssimo. Entretanto, mulheres fumantes, obesas ou que tenham outros casos de trombose na família, devem evitar o uso das pílulas.

Fonte: [1 [2]]