- Biblioteca Virtual de Enfermagem – Cofen - http://biblioteca.cofen.gov.br -

Percepções de Enfermeiros da Atenção Primária à Saúde Sobre o Cuidado a Pacientes Oncológicos

O câncer é a segunda principal causa de morte no mundo, sendo responsável por uma estimativa de 9,6 milhões de mortes em 2018. Aproximadamente, 70% das mortes por câncer ocorrem em países de baixa e média renda. A estimativa brasileira para o biênio 2018-2019 era a ocorrência de 600 mil casos novos de câncer, com exceção do câncer de pele não melanoma, que se estimava em 420 mil casos novos de câncer.

Integralidade no cuidado

Percepções de Enfermeiros da Atenção Primária à Saúde Sobre o Cuidado a Pacientes Oncológicos.

Cuidado a Pacientes Oncológicos

No que concerne ao tratamento do câncer, o paciente pode se defrontar com possíveis alterações na aparência física, limitações e impedimentos de atividades rotineiras que, muitas vezes, somam-se à quimioterapia, ao estigma da doença, à dificuldade para enfrentar o tratamento e seus efeitos colaterais, e à readaptação.

A equipe de saúde que presta assistência ao paciente com câncer visa proporcionar o conforto deste. Passando a aliviar as necessidades em relação aos aspectos psicológicos. Sociais e espirituais. Assim, o enfermeiro tem papel fundamental em todos os níveis de atenção à saúde. Porém quando se trata da Atenção Primária à Saúde (APS [1]). Esse aspecto é mais complexo, haja vista que nesse nível de atenção as ações são desenvolvidas de modo individual e coletivas. Bem como acompanhadas por equipes multiprofissionais que tem como objetivo principal a promoção da saúde. A prevenção de agravos. O diagnóstico. A reabilitação e a manutenção da saúde de pacientes.

Papel dos enfermeiros

Os enfermeiros desempenham diversos papéis na assistência oncológica no âmbito da APS. Sendo um deles o de educador. O qual é essencial para a qualidade do cuidado. A atuação do enfermeiro no domicílio está muito voltada para ensinar o familiar os cuidados básicos a serem dispensados ao paciente, ao longo do tratamento e processo de adoecimento.

Diante desse contexto. Surgiu a necessidade de realizar esta pesquisa. A qual teve como pergunta norteadora: Qual a percepção dos enfermeiros sobre o cuidado a pacientes oncológicos na APS? A relevância da pesquisa ora apresentada fundamenta-se no fato que ao conhecer a compreensão de enfermeiros da APS sobre o cuidado a pacientes oncológicos. Poder-se-á contribuir para subsidiar esses profissionais e gestores da saúde no planejamento de ações centradas na assistência oncológica nesse nível de atenção. Visando capacitar os enfermeiros para que possam prestar assistência humana e qualificada. Logo, objetivou-se conhecer a percepção de enfermeiros da Atenção Primária à Saúde sobre o cuidado a pacientes oncológicos.

Compartilhar
[2] [3]