- Biblioteca Virtual de Enfermagem - http://biblioteca.cofen.gov.br -

Manual De Prevenção De Quedas Da Pessoa Idosa

As quedas nas pessoas idosas são comuns e aumentam progressivamente com a idade em ambos os sexos. Representa um problema de saúde pública.

A queda pode significar que houve o declínio das funções fisiológicas, ou ainda representar sintomas de alguma patologia específica. Os acidentes por quedas podem provocar fraturas, traumatismos cranianos e morte, dependendo do caso.

Leia Mais:

Qualidade de vida do idoso

Afetam a qualidade de vida do idoso por consequências psicossociais, provocam sentimentos como medo, fragilidade e falta de confiança. Muitas vezes funcionam como o início da degeneração do quadro geral do idoso, pois além de reduzir sua mobilidade, também afeta as atividades sociais e recreativas.

Fatores de risco

Existem fatores que predispõem à queda no idoso e que, de forma simplificada, podem ser divididos em intrínsecos: aqueles relacionados às alterações fisiológicas do processo de envelhecimento. Ou então a uma patologia específica (quadro 01) e ainda ao uso de medicamentos (quadro 02). Existem também os fatores extrínsecos: aqueles relacionados ao ambiente em que o idoso interage, sua casa, locais públicos, transporte coletivo, entre outros.

 

[6]