- Biblioteca Virtual de Enfermagem – Cofen - http://biblioteca.cofen.gov.br -

A hospitalização do adolescente na ótica dos profissionais de Enfermagem

A hospitalização é um processo que gera sentimentos negativos como medo da morte, do desconhecido, angústia, ansiedade e sofrimento em qualquer faixa etária. Os sentimentos gerados por este processo ocorrem em todas as fases da vida, contudo, são mais graves na adolescência sendo exacerbados pelos sentimentos dessa fase de transformações e mudanças.

Hospitalização do adolescente (Divulgação)

Hospitalização do adolescente

No adolescente, a hospitalização pode causar alterações emocionais tão importantes que interferem em seu desenvolvimento e podem dificultar o próprio tratamento. Os adolescentes hospitalizados vivenciam um processo que causa medo e insegurança requerendo cuidados especiais como ambiente acolhedor e a visita facilitada de amigos e familiares.

Neste sentido, como são os operadores da enfermagem (enfermeiros, técnicos e auxiliares) que cuidam do adolescente hospitalizado 24 horas por dia, a capacitação técnica é indispensável e essencial para um atendimento de qualidade. Em sua relação com o adolescente hospitalizado o profissional pode captar suas demandas intensificando os laços de confiança mútua, fortalecendo o processo dialógico. Assim, a equipe de enfermagem através do diálogo deve ouvir sem colocar limite de tempo, sem fazer prejulgamentos e identificar além das queixas, os problemas de enfermagem.

Dados de um estudo realizado com crianças hospitalizadas, em idade escolar, evidenciaram a importância do lúdico no processo de hospitalização e como são abordadas pela equipe de enfermagem mediante a realização de procedimentos. Destaca-se que é primordial a cordialidade, o carinho, o respeito, além da explicação e orientação do passo a passo sobre os procedimentos.

Compartilhar
[1] [2]