Guia Prático De Direitos Para Profissionais De Saúde e Famílias De Crianças Com a Síndrome Congênita Do Zika Vírus No Rio De Janeiro

18 de janeiro de 2019 por Imprimir Imprimir


No segundo trimestre de 2015, o Brasil lidava com uma situação inédita: o acometimento de milhares de bebês por um conjunto de comprometimentos em seu desenvolvimento neuromotor associados ao Zika Vírus, transmitido pelo Aedes Aegypti.

Consequentemente a partir daquele momento, inúmeras famílias tiveram que se confrontar com uma nova realidade. Familiares precisaram deixar o trabalho para cuidar de seus filhos, acima de tudo, passaram a percorrer diferentes serviços de saúde em busca de consultas, exames e reabilitação.

Leia Mais:

Do que se trata o guia prático?

Sendo assim, apresentamos aqui algumas informações importantes sobre o acesso à reabilitação, assistência social, gratuidade nos transportes coletivos, acesso a equipamentos e insumos de saúde, isenção de impostos para aquisição de automóveis, cartão de estacionamento, entre tantos outros que visam facilitar sua caminhada na busca de direitos.

Como resultado todas essas informações foram organizadas neste Guia Prático de Direitos, o qual é fruto do projeto de pesquisa Os caminhos do enfrentamento às implicações sociais da Síndrome Congênita do Vírus Zika, financiado pelo II Programa de Apoio à Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação em Saúde da Mulher, Criança e Adolescente do Instituto Fernandes Figueira Fiocruz.

Compartilhar